Buscar
  • Casa De Pedra Garopaba

OS 5 ELEMENTOS – WU XING - 五行

"Eu olhei atentamente para cima para estudar o Céu, examinei a Terra abaixo e ao redor de mim e procurei a compreensão dos princípios da Humanidade." (De Bary et al., 1960)


A história da Medicina Tradicional Chinesa nos mostra de forma peculiar as leis da natureza e o ser humano inserido nesta.

Neste artigo vamos entender um pouco sobre a Teoria dos 5 elementos ou também chamado de 5 movimentos.

Para que você possa compreender melhor o assunto é preferível que já tenha lido os artigos anteriores sobre “O Qi – ENERGIA VITAL” e “Yin & YANG”, que você encontra aqui neste site.

A essência da Medicina Chinesa apresenta a idéia de que a natureza é governada pelas leis do Yin & YANG e pelos 5 elementos. Os 5 elementos são: MADEIRA, FOGO, TERRA, METAL e ÁGUA; que representam as características fundamentais de toda a matéria que existe no Universo.

Cada elemento tem em si um processo e movimento energético, uma qualidade de Qi, uma forma de se manifestar na natureza, uma forma de se expressar e características próprias no indivíduo.

Sendo assim, os 5 elementos produzem um movimento cíclico criativo e evolutivo, quando equilibrado, chamado de ciclo de geração de energia (sheng).

Mas também podem movimentar-se pelo ciclo de controle de energia (ke) onde um elemento controla energeticamente o outro.


A Medicina chinesa, como qualquer outra medicina está empenhada em compreender e aliviar o sofrimento físico e psicológico dos seres humanos. Uma das formas mais completas e inteligentes que dá ferramentas para o médico compreender, observar e tratar é a Teoria dos 5 elementos.

Compreendemos que cada elemento tem características diferentes e possui ressonâncias principais que formam um conjunto de aspectos que podem ser observados por associação de idéias, revelando o desequilíbrio da saúde.

Um bom terapeuta de Medicina Chinesa percebe o desequilíbrio no primeiro contato com seu paciente, no som da voz, no odor do corpo, na cor da face, nos gestos, na emoção expressa, etc...

As principais características e ressonâncias dos cinco elementos podem ser descritas abaixo:


MADEIRA: cor verde, som grito, odor rançoso, sabor ácido, emoção raiva, estação primavera, clima vento;

FOGO: cor vermelho, som riso, odor queimado, sabor amargo, emoção alegria, estação verão, clima calor;

TERRA: cor amarelo, som canto, odor perfumado, sabor doce, emoção preocupação, estação verão tardio, clima umidade;

METAL: cor branco, som choro, odor férrico, sabor picante, emoção tristeza, estação outono, clima secura;

ÁGUA: cor preto, som gemido, odor podre, sabor salgado, emoção medo, estação inverno, clima frio.


Agora vamos descrever brevemente as características de personalidade de cada elemento no seu fator constitucional, veja se você se reconhece em algum elemento:


MADEIRA: Capacidade de assertividade e produção que pode ser comprometida por fúria irascível ou extrema docilidade. Busca sempre a justiça, podendo se tornar muito rígido ou extremamente flexível, sem opinião própria. Desafia os limites, gosta de poder e facilmente fica frustrado. Tendência a agressividade.


FOGO: Capacidade de dar e receber amor, muito cordiais, sempre alegres, beirando a euforia e comportamento de palhaço. Quando não correspondidos, sofrem apresentando tendencia ao isolamento e sensação de abandono, compulsão e adições (álcool, drogas).


TERRA: Capacidade de apoio emocional, educação e nutrição que pode sofrer rejeição pelos demais e sensação de carência afetiva. Ou sufocar por excessiva proteção. Intelectualizados, centrados e com clareza mental, podem desequilibrar por excesso de pensamentos e pouca ação.


METAL: Capacidade de seguir em frente, aproveitar a vida e sentir-se satisfeito e pleno. Porém necessita sempre de reconhecimento e retribuição dos demais, o que pode o tornar frio, distante e tendencia a isolar-se, sentir-se magoado e triste. Tendência a ser empreendedor, primando pela qualidade e pureza.


AGUA- Simboliza quietude, capacidade de adaptação, avalia os riscos para entender a ameaça. Tem necessidade de estar seguro, pois o desequilíbrio o torna aterrorizado e medroso. Por vezes impulsivo, expondo-se ao perigo, ou extremamente cauteloso. Sociável, adapta-se em qualquer ambiente.


O diagnostico do Fator Constitucional de cada pessoa é fundamentado exclusivamente na acuidade sensorial do terapeuta de MTC. Observando detalhadamente a saúde do corpo, mente e espírito.


Usado no diagnóstico e tratamento, nos fornece em detalhes a personalidade e caracterí

sticas do paciente, seu fator constitucional, seu desequilíbrio, seu bloqueio, sua insuficiência, para assim equilibrar o movimento energético e manter os cinco elementos em estado de geração de energia e evolução.


Referências:

· HICKS, Angela. Acupuntura constitucional dos cinco elementos. Roca, 2007.

· DONATELLI, Sidney. Macro e Microcosmos: Visão Filosófica do Taoísmo e conceitos da Medicina Tradicional Chinesa. Ed. Andreoli., 2015.


Autoria:

Dra Ana Beatris Saldanha Ramos

Medicina Integrativa - Medicina de Família - Medicina Tradicional Chinesa

CRM/SC 6339

faleconosco@casadepedra.med.br

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo